A CUT realiza nos dias 7 a 10 de outubro o seu 13 Congresso na cidade de Praia Grande, litoral de São Paulo na região de Santos. Em Praia Grande o movimento sindical de esquerda realizou em 1981 a sua I CONCLAT – Conferência Nacional da Classe Trabalhadora, este que foi o maior encontro de militantes sindicais até aqueles dias na nossa história. Ressalte-se que ainda estávamos durante uma ditadura militar.

Esta Conferência elegeu a Comissão Nacional Pro-CUT que dois anos depois organizou o Congresso de fundação da CUT. Nem todos os agrupamentos políticos presentes no CONCLAT participaram da fundação da CUT mas esta é outra história que comentaremos em outro momento.

Mas o que leva a CUT a retornar a Praia Grande. Arrisco dois palpites :

  • um de ordem mais pragmática – os ataques do governo Bolsonaro à organizações dos trabalhadores tem debilitado financeiramente o movimento sindical. Em Praia Grande localizam-se colônia de férias de vários sindicatos paulistas, herança do sindicalismo assistencialista da era Vargas. Utilizando-se desta estrutura teremos um congresso mais barato do ponto de vista financeiro e mais austero, sinalizando para as novas gerações que teremos que fazer um sindicalismo sem a estrutura e suporte material dos recentes anos. Carregada de pragmatismo esta decisão também tem um viés político;
  • outra de ordem essencialmente política – o desmonte da legislação trabalhista iniciado no governo Temer associado às crescentes mudanças no mundo do trabalho tem alterado a configuração da classe trabalhadora e as relações de trabalho exigindo uma atualização da organização e dos mecanismos de ação sindical. Nesta perspectiva enxergo o retorno a Praia Grande como uma sinalização de necessidade de refundar a CUT mantendo a radicalidade e a concepção sindical da sua fundação mas reconfigurada para dar respostas exigidas pelo momento.

Acredito que as duas razões são pertinentes, podendo variar na intensidade de cada uma e sempre serão complementares. Ao longo da construção do 13 Congresso vamos checando quais destas assumem maior destaque.

Siga a hashtag #TrampoNoCONCUT para acompanhar todo o 13 CONCUT, dos debates preparatórios até a sua plenária principal.